25 de Outubro de 2014

Dia Mundial da Massa - World Pasta Day



Hoje celebra-se o Dia Mundial da Massa (criado pelo Congresso Mundial de Massa em 1995), no qual por todo o mundo se celebra aquela delícia culinária que é a massa não levedada moldada em pequenas formas engraçadas e fervidas para produção de massas alimentícias. 

Um alimento básico da culinária italiana - o primeiro oficialmente referenciado na Sicília, em 1154 - a massa é um dos alimentos favoritos consumidos em todo o mundo 

Existem mais de 600 formas de massas conhecidas, e os seus nomes são relativos e descritivos das suas formas.


13 de Outubro de 2014

Geleia de marmelo




Cascas e pevides de marmelo
Água q.b.
Açúcar q.b.




  1. Ao descascar os marmelos para fazer marmelada, guardam-se as cascas e a parte junto às pevides para fazer a geleia.
  2. Colocam-se as cascas e pevides num tacho ou panela grande, e enche-se com água só até cobrir as cascas.
  3. Leva-se ao lume pelo menos durante 1 hora, ou até a água ganhar côr suficiente.
  4. Retira-se do lume, e coa-se o líquido para outro recipiente, e pesa-se essa quantidade de líquido.
  5. Conforme o peso obtido, faz-se a proporção de 1 kg de açúcar para cada 1kg de líquido.
  6. Voltar a levar ao lume o líquido com o açúcar, entre 30 a 45 minutos, até se obter “ponto de estrada”.
  7. Colocar a geleia ainda quente em frascos e fechar bem.



Como podem ver pela data na etiqueta, esta foi a geleia que fiz no ano passado, mas em breve farei mais, pois a época dos marmelos já começou...



6 de Outubro de 2014

Tarteletes de coelho, cenoura e maçã

 

150gr a 200gr de coelho estufado
Massa fina Buitoni (12 cm)
1 cenoura
1 maçã
50 gr queijo da Ilha
2 ovos
Salsa
Sementes de sésamo
Sal e pimenta q.b.

 
  1. Retirar a massa do congelador e deixar descongelar à temperatura ambiente.
  2. Dessossar e desfiar a carne do coelho.
  3. Ralar a cenoura e a maçã grosseiramente.
  4. Numa taça, bater o ovo e temperar com sal e pimenta.
  5. Juntar a salsa picada, o queijo ralado, a cenoura, a maçã e o coelho, envolvendo tudo muito bem.
  6. Numas formas de tartelete, colocar as rodelas de massa e depois o recheio, polvilhando com sementes de sésamos por cima.
  7. Levar ao forno a 200ºC durante cerca de 15 a 20 minutos.


Gosto de ter sempre à mão estas massas, pois são fininhas e ficam bastante crocantes depois de ir ao forno. Antes de aparecerem estas da Buitoni já usava estas que são similares, mas de uma marca espanhola que existe no “El Corte Inglès”.

8 de Setembro de 2014

Bolo branco de champanhe e alfarroba



6 claras
1 chávena de champanhe
200 gr de açúcar
250 gr de farinha Branca de Neve
1 colher (chá) de fermento
80 gr de manteiga
3 colheres (chá) de alfarroba
Sal q.b.


  1. Bater a manteiga com o açúcar até ficar em creme.
  2. Acrescentar o champanhe, a farinha e o fermento, e envolver bem.
  3. Bater as claras em castelo com a pitada de sal.
  4. Juntar aos poucos, as claras à mistura anterior.
  5. Separar para outra taça, cerca de 1/3 do creme e juntar a farinha de alfarroba.
  6. Numa forma larga, deitar o creme branco, e por cima e aos poucos com a ajuda de uma colher, deitar o creme de alfarroba em fio.
  7. Com a ajuda de um palito, misturar levemente os 2 cremes.
  8. Levar ao forno a 180ºC (calor circulante) cerca de 30 minutos.
 


Eu gosto bastante de fazer receitas de bolos brancos (bolos que só levam claras) porque ficam bastante fôfos e ligeiramente húmidos. 
Normalmente faço-os numa forma baixa e larga para que levem menos tempo a cozer no forno.