28 de março de 2013

Entradinhas de atum e queijo fresco





  • Escorrer o atum da lata e desfiar um pouco com a ajuda de um garfo.
  • Escorrer a água do queijo fresco e pisar ou bater até ficar em creme, e colocar numa tigela.
  • Juntar o atum, a cebola, a salsa, as azeitonas (sem caroço e cortadas a meio), e uma pitada de pimenta.
 
  • Com a ajuda de uma ou duas colheres de chá, dispôr o recheio nas tarteletes.
  • Decorar com metades de azeitonas. 

 

O aniversário do meu pai foi no fim do passado mês de Fevereiro, e decidi então fazer estas entradinhas para complementar o jantar desse dia.


O queijo fresco magro que compro sempre é o da Matinal 0% de gordura, que também é bom para usar em saladas, porque dá para cortar em cubinhos (devido à sua consistência) ou até para cortar em fatias finas e usar em sandwiches.

Quem quiser pode fazer estas entradinhas recorrendo em alternativa a bases de recheio de massa folhada (tipo petit-boucheès), ou a profiteroles prontos a rechear.

Eu gosto particularmente destas mini-tarteletes porque são bastante crocantes e saborosas.


Entradinhas de atum e queijo fresco





  • Escorrer o atum da lata e desfiar um pouco com a ajuda de um garfo.
  • Escorrer a água do queijo fresco e pisar ou bater até ficar em creme, e colocar numa tigela.
  • Juntar o atum, a cebola, a salsa, as azeitonas (sem caroço e cortadas a meio), e uma pitada de pimenta.
 
  • Com a ajuda de uma ou duas colheres de chá, dispôr o recheio nas tarteletes.
  • Decorar com metades de azeitonas. 

 

O aniversário do meu pai foi no fim do passado mês de Fevereiro, e decidi então fazer estas entradinhas para complementar o jantar desse dia.


O queijo fresco magro que compro sempre é o da Matinal 0% de gordura, que também é bom para usar em saladas, porque dá para cortar em cubinhos (devido à sua consistência) ou até para cortar em fatias finas e usar em sandwiches.

Quem quiser pode fazer estas entradinhas recorrendo em alternativa a bases de recheio de massa folhada (tipo petit-boucheès), ou a profiteroles prontos a rechear.

Eu gosto particularmente destas mini-tarteletes porque são bastante crocantes e saborosas.


15 de março de 2013

Bacalhau com cobertor




  • Desfiar o bacalhau em lascas, retirando todas as espinhas e peles.
  • Num pyrex, ou noutro recipiente de ir ao forno, colocar a cebola e o alho-francês (parte branca) em tiras finas espalhadas pelo fundo.
  • Por cima da cebola, espalhar as lascas de bacalhau cobrindo a superfície, e depois polvilhar com a salsa picada e um fio de azeite.
  • Numa tigela, bater o ovo e depois juntar o leite (se se achar necessário pode-se acrescentar mais quantidade de leite e de ovo).




  • Dispõem-se em cima do bacalhau as fatias de pão demolham-se no leite com ovo, e com a ajuda de uma colher, espalha-se o restante leite com ovo por cima do pão de modo a ficar bem humedecido.
  • Levar ao forno a 160ºC (modo gratinar) entre 20 a 30 minutos.

Dicas: Pode-se também no fim polvilhar o pão com um pouco de queijo ralado, antes de levar ao forno; quem quiser pode confeccionar este prato mais rapidamente se alourar a cebola antes de colocar no fundo do pyrex, pois assim só se leva ao forno para dourar a crosta do pão; esta receita é também óptima para aproveitar aquelas partes menos nobres e menos carnudas do bacalhau.
 




Este prato foi inspirado pelo “Bacalhau com cobertor” da revista “Saúde à Mesa” n.º 36, não sendo exactamente igual, uma vez que o Chef Ermida usa couve branca em vez da cebola e alho-francês.
 
Aproveitando um desconto que me enviaram, comprei estas fatias de canapés da “Bimbo” e decidi usar nesta receita em vez do normal pão de forma.

Bacalhau com cobertor




  • Desfiar o bacalhau em lascas, retirando todas as espinhas e peles.
  • Num pyrex, ou noutro recipiente de ir ao forno, colocar a cebola e o alho-francês (parte branca) em tiras finas espalhadas pelo fundo.
  • Por cima da cebola, espalhar as lascas de bacalhau cobrindo a superfície, e depois polvilhar com a salsa picada e um fio de azeite.
  • Numa tigela, bater o ovo e depois juntar o leite (se se achar necessário pode-se acrescentar mais quantidade de leite e de ovo).




  • Dispõem-se em cima do bacalhau as fatias de pão demolham-se no leite com ovo, e com a ajuda de uma colher, espalha-se o restante leite com ovo por cima do pão de modo a ficar bem humedecido.
  • Levar ao forno a 160ºC (modo gratinar) entre 20 a 30 minutos.

Dicas: Pode-se também no fim polvilhar o pão com um pouco de queijo ralado, antes de levar ao forno; quem quiser pode confeccionar este prato mais rapidamente se alourar a cebola antes de colocar no fundo do pyrex, pois assim só se leva ao forno para dourar a crosta do pão; esta receita é também óptima para aproveitar aquelas partes menos nobres e menos carnudas do bacalhau.
 




Este prato foi inspirado pelo “Bacalhau com cobertor” da revista “Saúde à Mesa” n.º 36, não sendo exactamente igual, uma vez que o Chef Ermida usa couve branca em vez da cebola e alho-francês.
 
Aproveitando um desconto que me enviaram, comprei estas fatias de canapés da “Bimbo” e decidi usar nesta receita em vez do normal pão de forma.

7 de março de 2013

Pão-de-ló com framboesas





  1. Separar as gemas das claras.
  2. Bater as gemas com a água quente (mas não a ferver) até  duplicarem de volume.
  3. Juntar aos poucos o açúcar e o açúcar baunilhado às gemas.
  4. Adicionar depois as farinhas, e o fermento.
  5. Bater as claras em castelo e envolver lentamente na massa.
  6. Levar ao forno, a 180ºC (modo circulante) por 20 minutos, mas colocando a forma na parte mais em baixo do forno.
  7. Batem-se as natas com 1 colher de sopa de açúcar, até ficarem em chantilly firme.
  8. Quando o bolo estiver frio, espalha-se o chantilly por cima e à volta.
  9. Colocam-se as framboesas por cima do chantilly até cobrirem a superficie do bolo.
  10. À volta decora-se com a amêndoa em lascas.
  11. Mantem-se o bolo no frigorífico até ser servido.
 




Como já devem ter reparado, nós cá em casa gostamos muito de frutos silvestres, e este bolo é mais uma das receitas onde podemos usá-los.


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...